Sinalização do Mês de Prevenção dos Maus-Tratos na Infância

Sinalização do Mês de Prevenção dos Maus-Tratos na Infância

A APEPI, a CPCJ de Pombal, as Comissões Sociais de Freguesia pertencentes ao concelho de Pombal e o Município de Pombal assinalam o mês de abril, Mês de Prevenção dos Maus-Tratos na Infância, com a atividade Cuidar das Crianças, Cuidar do Futuro.
 
Relembramos que o “Movimento do Laço Azul” foi criado por Bonnie W. Finney, em 1989 na Virgínia, Estados Unidos da América, quando amarrou um laço azul à antena do seu carro, com o objetivo de levar as pessoas a questionarem-se pelo facto. A iniciativa tomada por esta avó teve como objetivo sinalizar os maus-tratos que os seus dois netos sofriam, tendo levado à morte de um deles nas mãos do pai, de forma brutal e violenta. Escolheu a cor azul em representação dos corpos magoados e repletos de nódoas negras, que ao fim de alguns dias passavam a ter uma cor azulada, e como um símbolo de alerta para a luta e proteção dos maus-tratos contra as crianças.
 
Este movimento assumiu relevância a nível mundial, uma vez que os maus-tratos às crianças constituem um problema grave para o seu desenvolvimento, repercutindo-se ao longo da sua vida. Por isso, como cidadãos/ãs devemos adotar um papel ativo na identificação de possíveis situações de risco na infância, salvaguardando a promoção e a proteção dos direitos das crianças.
 
Durante o mês de abril decorrerão diversas ações com o objetivo de sensibilizar toda a comunidade do concelho de Pombal para esta problemática, pelo que convidamos todos/as a estarem atentos/as às nossas redes sociais.
 
Esta atividade terá um momento que queremos que seja de grande impacto. Para isso apelamos que todas as pessoas do Concelho coloquem um laço ou algo azul na sua janela ou varanda, entre as 15h e as 18h do dia 18 de abril, de forma a sinalizar esta luta conjunta contra os maus-tratos na infância. As respetivas Comissões Sociais de Freguesia e a Comissão Coordenadora acompanharão o desenrolar desta atividade.
 
Estamos certos/as que poderemos contar com todos/as, pois “A MELHOR FORMA DE TRATAR O PROBLEMA DOS MAUS-TRATOS NA INFÂNCIA É IMPEDIR QUE ACONTEÇA” (de Paulo Sérgio Pinheiro, Perito das Nações Unidas).




Sinalização do Mês de Prevenção dos Maus-Tratos na Infância